Seguir o blog

quinta-feira, 4 de junho de 2009

ENCONTRO EM BRASILIA



O I Encontro Nordestino de Cordel, promovido pela Associação dos Cantadores Repentistas e Escritores Populares do Distrito Federal e Entorno (Acrespo) em Brasília, nos dias 28 e 29 passados, foi de grande importância para quem se movimenta no mundo da literatura de cordel, especialmente para quem o fazem como os irmãos Klévisson e Arievaldo Viana, Maxado Nordestino, Rouxinol do Rinaré, Marco Haurélio, Moreira de Acopiara e Varneci Nascimento, entre centenas espalhados Brasil afora.
A abertura do encontro, na noite de 29, contou com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do ministro da Cultura Juca Ferreira, incumbido de viabilizar soluções reivindicadas pelos cordelistas representados na ocasião pelo secretário da Cultura do Rio Grande do Norte, Crispiniano Neto, que aproveitou a ocasião para lançar o livro ”Lula na Literatura de Cordel”.
Entre as reivindicações apresentadas, o reconhecimento da profissão de cordelista e de cantador repentista.
O discurso de Crispiniano foi feito em versos e agradou em cheio o público que lotou as dependências do teatro da Caixa Cultural.
Durante a sessão de encerramento, aberta por mim e dedicada ao poeta Patativa do Assaré, se apresentaram os emboladores de coco Roque e Teresinha (hilariantes!) e os repentistas Antônio Lisboa, Chico de Assis, Ismael Pereira, Ivanildo Vila Nova e Zé Maria de Fortaleza, entre outros.
Poeticamente, também deram recado Antônio Francisco e Moreira de Acopiara.
O Encontro serviu para discussão da criação da Cooperativa de Cordel.
Ao fim de tudo, Crispiniano Neto ainda leu uma carta especial do presidente Lula aos participantes do Encontro, na qual é posta em alto relevo a obra de Patativa do Assaré.
Viva a cultura popular!
...............
Logo mais às 21 horas, o cearense Di Freitas estará encantando o público paulistano no Sesc Ipiranga, junto com a Orquestra de Rabecas Cego Olieira, de Jazeiro de Norte. Na ocasião artista autografará o CD "O Alumioso", que está saindo pelo selo Sesc. No correr da próxima semana, ele ministrará uma oficina para constução de rabeca, no Sesc Paulista. No total, 15 é o número de aprendizes privilegiados já inscritos.
não perderei o espetáculo de hoje. e você?
Ah! no CD de Di Freitas, uma faixa especial: "Vaca Estra e Boi Fubá", de Patativa do Assaré.
Imperdível!

Um comentário:

Marco Haurélio disse...

Valeu, Assis!
Esse foi um momento especial, apesar do Juiz, resquício do AI5.

POSTAGENS MAIS VISTAS