Seguir o blog

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

AI, AI, AI, É CHUVA DEMAIS

Cá em Sampa de novo a chuva da tarde de sempre chegou hoje um pouco mais tarde, ali pelas 15, mas fez um estrago deste tamanho, maior até do que ontem, quando deixou também, como agora, um rastro sujoso de desespero, pretume, miséria, dor e mortos afogados e soterrados nalgumas partes abandonadas da cidade e doutras partes além cidade.
No Rio de Janeiro, então...
O que fazer para acabar com tudo isso e fazer com que o povo escape?
A culpa é de São Pedro ou dos governantes?
De Kassab, de Serra, do cara do Rio?
Burocratas graduados da área de meteorologia dizem que o castigo tem vindo de frentes frias das bandas da Argentina...
Sei não, acho que o jeito é conferir isso de perto.
E acho que vou.
Termômetros da terra de Gardel prevêem calor superior a 30 graus para o tempo de amanhã.
Será?
O Lula presidente disse ontem na prefeitura da maior cidade da América do Sul e 5ª maior do mundo, Sampa, umas coisas interessantes de se ouvir e pensar, exatamente no momento em que recebia o mimo Medalha 25 de Janeiro, ao mesmo tempo em que o tempo desabava na cabeça de todos com Zé Ninguém lá fora pedindo socorro pelo amor de Deus.
Ele pediu que as três esferas governamentais se juntem e juntas procurem se somar em prol de uma solução que beneficie a população.
Gostei.
Em novembro de 1954, o arquiteto Rino Levi, paulista descendente de italianos, declarava ao repórter Carlos Scarinci, da Revista do Globo: “Ainda não há urbanismo no Brasil”.
Vejam: em 54!
Ipis literis, ele àquela época:
– De um modo geral, costuma-se dividir urbanismo em habitação, trabalho, recreio e transporte, mas indiscutivelmente o problema básico de qualquer estudo urbanístico é o da habitação, que tem sido muito descuidado em nosso país.
Passo a bola pra quem sabe da matéria. O pessoal do Metrô, por exemplo.
E aí, Nestor Tupinambá?

VENEZUELA
Ontem ao me referir à Venezuela, escrevi Colômbia. Um lapso.
Fica a correção, feita de Florianópolis pelo colega jornalista Marco Zanfra.
E por falar de novo na Venezuela: o bicho tá pegando por lá. Até o vice-presidente e ministro da Defesa, Ramon Carrizález, entregou os pontos.
Por lá, a insatisfação é geral: a continuar assim, sei não...

HAITI
Tem gente sendo resgatado dos escombros haitianos até ontem...

HONDURAS
Zelaya diz que deixa a embaixada brasileira hoje... Aguardemos.

SUÍNA
O que fazer agora com o estoque de vacina contra a gripe suína, hein?

CORINTHIANS X MIRASSOL
Claro, o Corinthians já ganhou. De quanto? Ah, isso detalhe. Dois gols serão do Ronaldo...

SERGIO CURSINO, FRANCO NETO, XICO SÁ
Ontem e hoje fiquei feliz que nem passarinho diante de sacos de alpistes. Razão? Simples: Primeiro me ligou Cursino, colega ocasional da Record rádio e amigo. Depois, passando de fone, Franco Neto, com quem tive a honra de trabalhar nos 80 na rádio Jovem Pan. E depois o cabra do Ceará, dos mais queridos, xico Sá, antena atenta desta nossa vidinha de meu Deus do céu.
Abraação a todos, e que continuem lendo estas mal batidas.

Um comentário:

Marco Antonio Zanfra disse...

Vi uma coisa interessante hoje no "Bom Dia Brasil": o protesto dos moradores do Jardim Pantanal que parou a rodovia Airton Senna por duas horas. Segundo a apresentadora do jornal, o protesto terminou quando a polícia chegou. Isso significa exatamente o que eu entendi? Que a polícia demorou duas horas para chegar?

POSTAGENS MAIS VISTAS