Seguir o blog

segunda-feira, 7 de maio de 2012

VIRADA DE MORTE

Pois é, deu no que deu: tiros, prisões e morte na Virada Cultural 2012.
Eu disse no texto anterior que cultura não é porre e nem overdose.
A morte registrada nessa Virada foi de uma adolescente, provocada por uma overdose de cocaína, segundo as primeiras informações.
Ela estava sem documentos e com coca no bolso.
Bom, sem comentários.
Mas o fato é que tudo demais é muito, não é?
Também no item referente à cultura, claro.
Imagino que a verba aplicada na programação se não é astronômica, beira perto.
No correr do ano todo, os artistas – e nem falo dos artistas de rua – comem no dia seguinte o feijão com arroz que ao menos deveriam comer na véspera.
Por que 24 horas de artes, se dá pra mostrar arte de maneira natural todos os dias, hein?
É certo que todos não vêm tudo da programação das Viradas.
Não está na hora de rever isso?

CADERNO ESPECIAL
O newsletter Jornalistas&Cia lançou nesta segunda o caderno especial MEMÓRIA DA CULTURA POPULAR. Essa edição estará amanhã no site de J&Cia (http://www.jornalistasecia.com.br/). 
Cliquem:
www.jornalistasecia.com.br/edicoes/culturapopular01.pdf

Nenhum comentário:

POSTAGENS MAIS VISTAS