Seguir o blog

quinta-feira, 18 de abril de 2013

JORGE MELLO É MULTITUDO

Jorge Mello é cantador
Jorge Mello é bom rapaz
Toca, canta, pinta e borda
Jorge Mello tem cartaz
Em São Paulo ou lá longe
É competente no que faz

Eu assino com gosto esses versos sobre o compositor piauiense Jorge Mello (na foto ao lado, em ação), também exímio tocador de viola e violão, produtor, arranjador, repentista, ator, cordelista, conferencista, romancista, artista plástico, autor de teatro, diretor de cinema e TV, campeão de festivais de música e, como se não bastasse, ainda advoga no campo minado do direito autoral, o que o faz muito requisitado por seus colegas artistas.
Mesmo com tantos afazeres e responsabilidades profissionais no seu dia-a-dia, Jorge parece fazer questão de mostrar estar o tempo todo de bem com a vida.
“E pra que se irritar, macho”, ele indaga com ar professoral, rindo é claro, para em seguida ensinar, numa expressão:
“Só se irrita na vida quem não tem o que fazer”.
E ao modo dos bons cantadores, seus pares, ele se apresenta numa estrofe perfeita de Martelo Agalopado, modalidade do mundo da cantoria outrora também chamado de Trinta por Dez.
Esse estilo poético se desenvolve em estrofes de dez versos decassílabos, rimando o 1º com o 4º e o 5º, o 2º com 3º, o 6º e o 7º com o 10º, e o 8º com o 9º, obedecendo, sempre, o rigor formal da acentuação tônica na 3ª, 6ª e 10ª sílabas, assim:

E quando minha mente de fora examina
Minha vida de artista, de compositor,
E toda estrada de improvisador
E vejo essa força que é nordestina,
Assim vejo o véu que me ilumina.
Poeta que sou, poeta no prelo
Trabalho palavras, o som que é belo,
Tirando belezas da imaginação
E assim me apresento com toda emoção:
Aqui está o artista que é Jorge Mello!

Jorge, que fez parte do grupo Pessoal do Ceará, teve os primeiros contatos com as artes num circo armado na sua cidade, Piripiri, junto com o qual fugiu aos 14 anos e voltou ainda adolescente para os braços da família e estudar num seminário e servir o Exército, “só para comer de graça”, segundo diz.
É bastante comprida a história de Jorge Melo.
Ele estará conosco no próximo dia 24, às 19h30, participando como atração do Sarau da Cultura Popular no grande auditório do Centro de Convenção Rebouças.
A apresentação faz parte da programação do 16º Congresso Mega Brasil de Counicação, cujo tema este ano é o Planeta Comunicação na Era do Diálogo.
CLIQUE:
http://www.youtube.com/watch?v=cWTqXjru95o

2 comentários:

Marco Haurélio disse...

Para esse vale a saudação: Salve Jorge!

Marco Haurélio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

POSTAGENS MAIS VISTAS