Seguir o blog

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

RÁDIO NACIONAL, VANDRÉ E GONZAGA

Geraldo Vandré (aí ao lado, no jornal, comigo e Zé Ramalho) tinha exatamente um ano de idade quando o locutor Celso Guimarães anunciou:
- Alô, alô Brasil, aqui fala a Rádio Nacional do Rio de Janeiro!
A hora era 9 da noite.
O dia, 12 de setembro.
O ano, 1936.
Logo depois entrou na abertura da programação a canção Luar do Sertão, de Catulo da Paixão Cearense e João Pernambuco.
A Nacional foi a primeira grande emissora de rádio do País, com audiência em quase todos os estados brasileiros e tornada empresa estatal no governo Vargas cerca de quatro anos depois de criada.
Por seus microfones desfilaram algumas das vozes mais bonitas do Brasil, de Chico Alves a Orlando Silva, passando por Luiz Gonzaga (aí ao lado), Nelson Gonçalves, Sílvio Caldas, Cauby Peixoto, Nuno Roland, Carmélia Alves, Ângela Maria e as irmãs Batista Linda e Dircinha, entre outras.
E também passaram por lá grandes produtores artísticos, como Almirante e Lamartine Babo, também compositor; e locutores e apresentadores além de Celso Guimarães, cujo nome completo era Celson Tuson Foot Hummel Guimarães (1907-73), paulista de Jundiaí: Oduvaldo Cozzi, Renato Murce, Paulo Gracindo, Manoel Barcelos, Afrânio Rodrigues e Cesar de Alencar; e maestros-arranjadores que fizeram história, entre os quais Guerra Peixe, Gaó, Radamés Gnatalli e Léo Peracchi.
Vandré, pseudônimo de Geraldo Pedrosa de Araújo Dias, que hoje completa 78 anos de idade, começou a carreira musical como calouro da Rádio Tabajara, de João Pessoa, PB. 

4 comentários:

jorge paulo disse...

Muitas pessoas perguntam, porque quase todo nordeste, torce por clubes cariocas?
Influencia da Rádio Nacional que naquela época, ai relacionada pelo Assis, tinha as suas transmissões esportivas, com audiência total por aquelas bandas.

assis angelo disse...

pois é, jorge, a nacional era, mesmo, uma espécie de globo há mais de 70 anos!

Rômulo disse...

Ol Assis, aquele da foto do jornal, que Gonzaga está tocando, no lado direito,é Zito Borborema ?
Rômulo Nóbrega

fabiana disse...

Parabéns ao Vandré! Saúde e vida longa ! Espero que ele ainda nos presenteie com composiçoes de seu enorme talento

POSTAGENS MAIS VISTAS