Seguir o blog

sábado, 22 de fevereiro de 2014

A VOLTA DAS MARCHINHAS DE CARNAVAL

É claro que, ao contrário de Cabral pai, Cabral filho, governador do Rio de Janeiro, não gosta nem um pouco de marchinhas de carnaval, pois querem lhe apear do poder custe o que custar cantando coisas do tipo:

Quanto tiro, oh!
Quanta policia
A tropa de choque em ação
Ditador de helicóptero
E no meio da cidade
Um monte de Caveirão!

Além dessa paródia, de Máscara Negra, foram feitas outras de Alah-lá ô, Mamãe eu Quero, Ó Abre Alas etc., e uma em especial.
Clique:
A presidente Dilma também não escapou da ironia popular:
Também sobrou pau para os deputados:
E o Hnerique Cazes compôs uma joia, abordando o tema maconha;
Clique:

Nenhum comentário:

POSTAGENS MAIS VISTAS