Seguir o blog

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

QUI NEM JILÓ

Votos de boa sorte e orações de amigos espalhados por aí como Roberto, Simone, Anastácia, Celia, Celma, Clévisson, Osvaldinho, Miguel, Mara, Geraldo, Darlan, Mocinha, Ivone, Eduardo, Joel, Wilson, Onaldo, Beto, Papete, Roniwalter, e Jorge, e levantaram a bola e me deram coragem nesses dias para, mais uma vez, encarar os mistérios do Centro Cirúrgico do Hospital das Clínicas, acompanhado por uma equipe de capacitados e profissionais do ramo da oftalmologia que estão pelejando para me fazer ver de novo as coisas da vida. Eu estou bem, qui nem jiló.
Solidariedade, carinho, amor, amizade e bem-querer são coisas que guardamos para sempre.

Fica o registro.


Um comentário:

Anônimo disse...

Hermeto Pascoal declarou certa vez que muitas vezes fechava os olhos, e assim via as coisas mais bonitas. Os mistérios do Centro Cirúrgico em os tenho vivido quase que diariamente, desde que fui diagnosticado com um C.A, de esôfago. Ontem mesmo fiquei horas dentro de uma máquina de ultima geração na Oncologia do Hospital Santa Catarina (SP) e como sempre eu nestas horas evoco meu espírito de luz e assim sendo tenho obtido resultados surpreendestes. Portanto, a luz que brilha para mim, desejo para você, também.
Muita fé e sucesso.

Aloisio Alves

POSTAGENS MAIS VISTAS