Seguir o blog

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

NA AVENIDA, MAESTRO UNE O POPULAR AO ERUDITO


Um fio invisível separa a cultura popular da cultura erudita, mas, a fonte que abastece a cultura erudita é visível e tem um nome: cultura popular. Exemplo disso é a obra de Shakespeare, de Alighieri e Cervantes. A obra de mistérios e calafrios de Poe também tem tudo a ver com o popular, por ser baseada no cotidiano banal da sua época. Porém, é do banal que se extrai a essência das qualidades literárias, musicais etc.

Na verdade, nem precisamos ir à Inglaterra de Shakespeare, à Itália de Alighieri e à Espanha de Cervantes, tampouco à Boston (EUA) do autor de O Corvo. Aqui mesmo, no Brasil, temos Augusto dos Anjos, Gilberto Freyre, Machado de Assis e outros grandes literatos de ontem. De hoje, Dalton Trevisan.

Carlos Gomes, o maior compositor operístico das Américas, foi quem levou pela primeira vez o nome Brasil para a Itália e outras partes do mundo. Isso a partir da segunda metade do Século XIX, que é quando ele apresenta O Guarani no Scalla de Milão.

São muitos os exemplos de arte popular e arte erudita, com a segunda bebendo diretamente na fonte da primeira. E para ilustrar tudo isso, não custa lembrar que a escola de samba Unidos de Vila Isabel, este ano com o enredo O Maestro Brasileiro Está na Terra de Noel, tem Partitura Azul e Branca da Nossa Vila Isabel, (para ouvir, clique abaixo) confirma que a nossa rica diversidade étnica se une com perfeição numa só unidade cultural, como bem diz o jornalista e escritor José Antônio Severo, autor do livro “os Senhores da Guerra”.  

A escola que leva o nome do bairro onde o bamba do samba Noel Rosa nasceu, homenageia o maestro Isaac Karabitschevsky que tantas alegrias já nos deu nas salas de concerto afora. Nessa madrugada, na própria avenida, mostrou toda sua grandeza ao reger em campo aberto uma orquestra. Foi coisa de encher os olhos. E ouvidos.  


Quero dizer com isto que o Brasil, com todas as suas mazelas e incongruências, ainda tem jeito. Viva o samba! 


Nenhum comentário:

POSTAGENS MAIS VISTAS