Seguir o blog

domingo, 18 de dezembro de 2016

A SECA TORTURA E MATA

O mundo é uma doidura, com problemas de todo tipo.Os russos têm Putin, os norte americanos tem Trump e os sírios, Al Saad.quer dizer : esses caras têm os caras e nos, Deus.só deus é por nos,como disse outro dia o papa Francisco do alto dos seus recém completados 80 anos de idade,
quando uma coisa boa nos acontece,costumamos dizer : "choveu na minha horta ".
Lembrei da desgraceira do mundo,de Pultin Trump e Al Saad , por uma razão simples: é o que o mundo tem para se acabar.mas Deus salva, garante o Papa.
Boa parte do mundo nordestino está -se acabando. A seca está comendo solta em todos os Estados dessa parte do Brasil, principalmente na Bahia,Ceará ,Pernambuco e Paraíba.
eu sou paraibano.
No dia 6 de março de 1952, o pernambucano Luiz Gonzaga e o cearense Humberto Teixeira compuseram, por encomenda,um jingle denominado Paraíba, que se transformaria num dos baiões  mais cantados e assobiados por esse Brasil de meu Deus do céu. Esse  jingle foi lançado originalmente em 1950, por Emilinha Borba.
Em Campina e região a desgraceira provocada pela o mal seca é de da dó.
A chamada grande imprensa do nosso país não noticia isso,mas amigos como Rômulo Nóbrega deixa-me informado  sobre tudo o que ocorre naquelas plagas. Por lá ,tem boi morrendo como o diabo.
os reservatórios estão vazios...
O baião Paraíba fala de seca ouçam :


No dia 2 de julho, de 1952 Luiz Gonzaga gravou a toada Vozes da Seca, feita em parceria com Zé Dantas essa obra continua atual e contundente.ouçam :

 lembrei de falar sobre isso por causa do toró que acaba de desabar na cidade dos Paulistanos. E foi daqueles , com direito a relâmpagos e trovões .
há centenas e centenas de músicas que tratam da temática . outro dia mesmo ouvi a compositora alagoana Sarah Brasil cantar o xote Deus Tenha Piedade, ainda inédita em disco . A lenta diz:

Lá no Sertão a riqueza é chuva  que molha  a terra verdejando a plantação
se falta chuva o sol castiga e queima e a miséria ramifica pelo chão
nosso Sertão terra que tem boa gente onde as crianças lutam pra sobreviver
as rezadeiras suplicam por sua gente pedindo a Deus para a chuva aparecer...
                                                                                                                                



                                                                                                                                                                                                                                                                                     

Um comentário:

Onaldo Queiroga disse...

Amigo Assis, um bom natal e um 2017 com muita saúde e paz.
abraço
onaldo queiroga

POSTAGENS MAIS VISTAS