Seguir o blog

sábado, 30 de abril de 2011

INEZITA CONTA HISTÓRIAS INFANTIS NO PARQUE

Inezita ligou para dizer da sua alegria com o livro A Menina Inezita Barroso, que escrevi e a Cortez editou. A Menina acaba de ser lido por uma de suas netas que mora em Londres.
Outra alegria, que ela revelou, foi a gravação especial para o seu programa Viola Minha Viola com os irmãos paranaenses José e Durval, mais conhecidos por Chitãozinho e Xororó.
Há muito isso estava previsto, mas só quarta foi possível por causa da agenda cheia dos dois.
Durante a gravação a dupla canta várias músicas e a última, exatamente Chitãozinho e Chororó, de Serrinha e Athos Campos, junto com a apresentadora.
O programa Viola Minha Viola, líder de audiência da TV Cultura, vai ao ar no próximo dia 15, um domingo.
Chitãozinho e Xororó está completando 40 anos de carreira, a contar do primeiro disco que gravou, um LP, intitulado Moreninha Linda, com o esclarecedor subtítulo: Chitãozinho e Chororó (dupla infantil de violeiros), lançado em 1971 pelo selo Tropicana, da extinta CBS.
Chitãozinho (José Lima Sobrinho) nasceu no dia 5 de maio de 1954 e Xororó (Durval Lima), no dia 30 de setembro de 1957.
Detalhe: no segundo LP, o C de Chororó é substituído por um X, para diferençar a dupla da ave que inspirou os autores da música, comum de sul a norte do País.
O disco de estréia dos dois foi produzido por Roberto Stanganelli e Ariowaldo Pires, famoso por sua vasta obra e pelo curioso pseudônimo Capitão Furtado.
A primeira gravação da música que mudou a vida dos irmãos José e Durval foi gravada como toada pela primeira vez por um dos seus autores, Serrinha, e Caboclinho, no dia 24 de janeiro de 1946 e lançada no ano seguinte pela fábrica de discos Odeon, à época com sede no rio de Janeiro. A segunda gravação foi feita pela mesma dupla, no dia 5 de junho de 1951 e lançada simultaneamente PE extinta Continental e um de seus selos, Caboclo.
Detalhe para o título original dessas gravações: Chintanzinho e Chororó.
Mais Inezita: amanhã, às 11 horas, a apresentadora do Viola Minha Viola estará no Parque da Água Branca, contando histórias para crianças de 8 a 80 anos.
Eis aí uma raríssima oportunidade para ver e ouvir Inezita contar histórias infantis.
E de graça!
Vamos nessa?
PS- detalhe para a capa de disco que ilustra este texto, mas precisdamente para o crédito abaixo.

Um comentário:

Tatiana disse...

vamos nessa!!!

POSTAGENS MAIS VISTAS