Seguir o blog

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

DIA DO PENDURA E DO GARÇOM

Hoje é Dia do Garçom, do Advogado, do Estudante – e do Pendura.
O garçom tem a ver com todo mundo que frequenta restaurante, incluindo estudantes e advogados.
Em 1827, precisamente no dia 11 de agosto, o imperador Dom Pedro I criou por Decreto, via Assembleia Legislativa, os cursos de ciências jurídicas no País através das faculdades de Direito do Largo São Francisco, em São Paulo, e Olinda, em Pernambuco.
No rastro dessa instituição tão importante para a formação política e social do Brasil vieram o Dia Nacional do Estudante e o Dia do Pendura, que pessoalmente nunca validei como legal e correto, tanto que o Art. 176 da Lei Penal vigente diz que “Tomar refeição em restaurante, alojar-se em hotel ou utilizar-se de meio de transporte sem dispor de recursos para efetuar o pagamento” é crime sujeito a punição.
Nos “penduras” é comum que se pague 10% da conta aos garçons, enquanto o prejuízo fica para o restaurante.
A regulamentação da profissão de garçon é realativaamente nova,
Há dois anos o Senado aprovou lei chamada Reginaldo Rossi que define tempo de serviço para aposentadoria de garçons, maîtres, confeiteiros e cozinheiros.
Os garçons se aposentam com 25 anos de trabalho.
O Brasil é o terceiro país com maior número de advogados: 750 mil e mais de 1,5 milhão de bacharéis em Direito. 
Para ouvir o clássico brega Garçom, de Reginaldo Rossi, clique:

Nenhum comentário:

POSTAGENS MAIS VISTAS